Maio 12

COMO INTERPRETAR CADA “DRESS CODE”

 

Você confunde o ‘black tie’ com ‘white tie’? Fica na dúvida se ‘casual’ aceita qualquer look? Acabaram-se os erros na hora de se vestir seguindo a etiqueta!

 

Este artigo é destinado àquelas pessoas que não sabem “ler” nas entrelinhas dos convites e acabam “errando a mão”. Serve também aos anfitriões que, na verdade, precisam entender que especificar o traje, se cabe ou não uma gravata borboleta naquela ocasião, é justo e necessário. E, claro, este artigo é para aqueles que acreditam que só podem usar uma gravata borboleta para ir ao Palácio de Buckingham. Ela pode sim estar presente mais vezes, olha só!

 

É verdade, o dress code já é difícil de decifrar no mundinho fashion, imagina no dia a dia de quem não respira moda. Mas sempre vejo que existe uma dúvida sobre este protocolo. Em geral, existem seis grandes categorias: casual, semi-formal, cocktail (passeio), formal, (passeio completo), gala (black-tie) e etiqueta extrema (white-tie).

 

Mas o anfitrião pode fazer seus códigos pessoais e, assim, variar bastante.

 

Na verdade, alguns dess code incluem subcategorias como ‘cocktail festivo’ ou ‘smart casual’. Outros criativos acabam exigindo uma vestimenta que não aparece nos manuais clásicos como ‘jardim chic’,  um dia no campo, por exemplo. Também pode ser que apareçam siglas de difícil tradução e entendimento.

 

Felizmente, as regras estão para serem quebradas e – tks, God! – existem os mais rebeldes que se atrevem a fazê-la com criatividade e elegância, o que nós adoramos! A verdade é que cada pessoa escolhe se quer ou não cumprir as regras, vivemos um momento em que a liberdade de expressão tem ditado a moda, é hora de aproveitar. Abaixo, vamos descrevemos os códigos mais comuns para que você saiba se virar (e reinventar) em qualquer ocasião:

 

WHITE-TIE

É a etiqueta extrema, a mais formal de todas, que obriga o homem a usar aquele look “pinguim”. Mas o correto é casaca para noite ou fraque para o dia. Ese dress code não é dos mais vistos por aí, raramente vai tirar seu sono, a nao ser que frequente os campos da realeza e da alta sociedade, ou tenha decidido ser um noivo super (super) elegante no dia de seu casamento. Ou ate mesmo em funerais, como o do Papa João Paulo II em 2005.

 

Eventos para mostrar:

 

Um em que previamente tenha que estar desfilando um tapete vermelho, como o Met Gala em Nova York; jantares de Estado no Itamaraty; noite de Gala do Prêmio Nobel; concertos se você é o maestro ou músico da mesma; Baile da Opera de Viena…

 

Opções de Roupas:

 

Para os homens é um código rígido de vestuario, o que lhes exige casaca, camisa branca de piquet fino, colarinho de ponteira e botões de punho francês, com o qual o dicionário RAE define como abotoaduras.

A gravata borboleta branca de seda fosca ou em piquet (igual à camisa), casaca preta com gola de seda com a parte da frente na altura da cintura, deixando para trás “duas saias” mais ou menos largas e longas em forma de bico. As calças de cintura alta caem bem na mesma cor da faixa de seda ou cetim para os lados; e colete piquet branco e sapatos de verniz pretos com cadarços – podem usar Oxfor!. Como suplementos, lenço branco, luvas brancas se você é Tom Ford ou um grande admirador do seu estilo, e uma bengala prata se você é fã do Jared Leto. A verdade é que para o Tom Ford ou Jared Leto tudo é permitido, né?

 

Exigência do fraque?

Deve ser com casaco preto ou cinza de um tecido mais natural com avental traseiro dividido em duas partes redondas, sendo a frente curta. Ele também deve ser usado com colete aba linear ou pico transversal; calças de listras verticais finas; gravata de seda em preto fosco; os sapatos, claro, em couro baixo brilho.

 

Para elas, está permitido tirar do armário tules, rendas, peles, transparências, bordados, paetês, cristais e, lógico, vestidos longos de noite até o chão e além, com calda ou semi-calda – tudo impossível de usar o resto do ano. Além disso, sapatos ou sandálias de salto alto e, por que, não tiaras e muitas joias?

GALA OU “BLACK TIE”

Se você é um homem da realeza ou uma estrela de Hollywood, ou apenas se curte estar elegante em determinadas situações, é bom ter um smoking no armário. Ele com certeza vai ser usado. Para o James Bond, cai como uma luva.

 

Pode acontecer de você encontrar um “black tie criativo” no convite. Neste caso, inclua algum elemento original em suas roupas, como cores, tecidos mistos ou estampas divertidas, mas por favor, sempre de acordo a sua idade!

 

Eventos:

Casamentos chiques, bailes ou jantares de gala, recepções oficiais, Cerimônias dos Oscar, ou uma premiação mais imponente.

 

Opções:

Para eles, blazer preto com golas e botões encapados em cetim, camisa branca de ponteira, faixa ou colete escuro, gravata borboleta; calça preta e sapatos pretos.

Para elas, vestido longo lisos ou com pequenos e discretos detalhes, cluth e sapatos ou sandálias de salto alto.

FORMAL:

A coisa começa a ficar complicada, porque um evento formal é rotulado, e o que se espera é que os convidados se vistam mais elegantemente. E, acredite: pode ficar ainda fica mais confuso quando aparece “semi-formal”. Neste caso, cabe até um smoking ou um terno escuro.

 

COCKTAIL:

É talvez o código de vestimenta mais comum em convites, bem menos rígido, utilizado em um jantar ou almoço. Ele pode ser pedido em um evento corporativo ou em uma reunião social durante o dia ou a noite. Por isso, é libre – e nós adoramos! Se, apesar desse conselho, não fique claro como participar do evento em questão, é só ir a uma boa loja e pedir uma roupa de cocktail ou Little black dress, que nunca falha. Lembre-se da regra de ouro: antes de 18h as cores claras são usadas; após esse horário, escuras.

 

Eventos:

Festa de aniversário da empresa, uma recepção na embaixada ou consulado…

 

Opções:

Para elas: os famosos mids, que são vestidos ligeiramente abaixo do joelho em tecidos de qualidade, sapatos com salto alto ou médio. O terninho também é aceitado.

Para eles: terno e gravata ou, sem calças combinadas, sweater + camisa + calça alfaiataria, bingo!

 

CASUAL:

Nosso amado jeans, finalmente! Ou, o que é o mesmo: o conforto. Mas, por favor, não seja literal, e componha apenas com camisetas e chinelos. Não é para ser descuidado, e sim para ser você mesmo.

 

Eventos:

No jogo de futebol, um jantar com amigos … Ou na vida diária.

 

Opções:

Um vestido de algodão não-estruturado, camisa polo, os tenis também são boas opções!

 

BUSINESS CASUAL

É usado no local de trabalho, e permite mais criatividade no terno clássico. O “smart casual” pode adicionar ao look alguns detalhes para da moda.

 

Eventos:

reuniões, reuniões e reuniões.

 

Opções:

Basta adequar calças e uma camisa confortável para elas, ou complementar com uma saia lápis e uma blusa mais soltinha. Eles podem guardar a gravata – para sua alegría, pelo menos da maioria.