nov 18

THE CROWN: tudo sobre a terceira temporada

Do trailer ao novo elenco, reunimos tudo o que precisa de saber sobre a terceira temporada de The Crown, que estreiou ontem dia 17 no Netflix

Nas duas primeiras temporadas de The Crown, mergulhamos nos primórdios do reinado de Elizabeth II. A sua ascensão ao trono em tenra idade, a história de amor com o Príncipe Philip ou as dificuldades que enfrentou enquanto Churchill assumia o cargo de primeiro-ministro do Reino Unido foram três dos momentos que retrataram. 

NBR reuniu tudo o que precisa de saber sobre a terceira temporada de The Crown

A terceira temporada de The Crown estreiou na Netflix – o novo capítulo chegou ontem dia 17 n plataforma de streaming. No trailer oficial do sucesso televisivo de Peter Morgan, com Olivia Colman (Rainha Elizabeth II), Tobias Menzies (Príncipe Filipe), Helena Bonham Carter (Princesa Margaret), Jason Watkins (primeiro-ministro Harold Wilson) e Josh O’Connor (Príncipe Carlos). 

Em dois minutos e trinta segundos, o trailer desta nova temporada mostra um Reino Unido em mudança e uma população que, num contexto de tumultos sociais, económicos e políticos, questiona o papel da família real e da monarquia. O tom tenso mantém-se até ao último segundo, evidenciando as batalhas da Rainha Elizabeth II e dos restantes membros da família, bem como o declínio da relação amorosa entre a Princesa Margaret e Lord Snowdon (interpretado por Ben Daniels).

Apesar do papel central das duas monarcas neste trailer, é Josh O’Connor, no papel de Príncipe Carlos, quem rouba todas as atenções. Dos primeiros momentos do seu romance com Camila (interpretada pela atriz Emerald Fennell) ao assumir de uma série de novas responsabilidades, vemos o jovem monarca atravessar uma fase desafiante no que diz respeito à sua família e ao seu papel. 

A HISTÓRIA

Foi em meados da década de 60 que terminou a segunda season e a próxima vez que voltarmos ao Palácio de Buckingham será no final dos anos 70, mais ao menos dez anos depois do último período temporal mostrado. Um dos temas retratados será o divórcio de Margaret e Anthony Armstrong-Jones, uma vez que foi oficializado no ano de 1978. 

Os anos 70 não se revelaram prósperos para a vida pessoal, ou pública, da Família Real: greves, uma relação conturbada com o Canadá e o assassinato do tio do Príncipe Philip foram alguns dos momentos que marcaram esta década. Mas nem tudo é negativo: o casamento da Princesa Anne, a filha mais velha da rainha, que teve lugar em 1973 pode ser um dos momentos abordados, dando assim um balanço positivo aos acontecimentos trágicos.

UM NOVO ELENCO

Para trazer mais veracidade à história, as personagens têm que envelhecer e, por essa mesma razão, novos atores entraram no universo The Crown.  nomes de peso como Olivia Coleman, no papel de Rainha Elizabeth II; Helena Bonham Carter, a interpretar a Princesa Margaret; Tobias Menzies, no papel do Príncipe Filipe, e Jason Watkins, como primeiro-ministro Harold Wilson.